Responsive image

 

 

 

 

 

 

 

BATIZADOS: 4º Domingo do Mês – 10h30.

 

 

 

 

 

Orientações Gerais - Sacramento do Batismo

 

Quanto ao Batizando
‘‘É capaz de receber o Batismo toda pessoa ainda não batizada, e somente ela.’’ (CDC*, cân. 864) 

Quanto aos pais:
‘‘Se os pais de uma criança, para qual pedem o Batismo, não se acham unidos pelo sacramento do Matrimônio, não se deve negar o Batismo à criança. Cabe à Igreja, na medida do possível, procurar conscientizar aqueles pais sobre a importância da vida de fé em Cristo e sobre a riqueza do sagrado Matrimônio, orientando-os a regularem sua situação perante a Igreja, caso haja impedimento canônico.’’ (cf. DPSAP** n. 09)

‘‘No caso de mães solteiras ou de uniões que não possam ser regularizadas, por estarem impedidas canonicamente, admite-se o Batismo à criança após conveniente conscientização dos pais e padrinhos sobre os compromissos que estão assumindo e sobre a necessidade de sua de sua participação na comunidade eclesial.’’ (DPSAP nº 10)

Quanto aos padrinhos:
Para que alguém seja admitido para assumir o encargo de padrinho, é necessário que:

1º) Seja designado pelo próprio batizando, seus pais ou por quem lhes faz as vezes, ou na falha deles, pelo próprio pároco ou ministros, e tenha aptidão e intenção de cumprir esse encargo;
2º) Tenha completado dezesseis anos de idade, e não tenha idade muito avançada.
3º) Seja católico, crismado, já tenha recebido o Santíssimo Sacramento da Eucaristia e leve uma vida de acordo com a fé e o encargo que vai assumir;
4º) Se solteiro, sejam livres e desimpedidos; se casados, que estejam unidos pelo Sacramento do matrimônio. Não sejam admitidos casais amasiados à função de padrinhos, uma vez que esses se encontram atingidos por pena canônica.
5º) Não seja pai ou mãe do batizando;
6º) Estejam dispostos a acompanhar, dedicada e responsavelmente, o afilhado no seu processo de amadurecimento da fé cristã católica.§ 2 - Quem é batizado e pertence a uma comunidade eclesial não católica, só seja admitido como testemunha do batismo, mas não como padrinho (cf. CDC, cân. 874)